14ª Tertúlia em Inteligência Artificial: Multi-Agent Systems for Persuasive Technologies

No contexto das Tertúlias em Inteligência Artificial (TeIA) que a Associação Portuguesa Para a Inteligência Artificial (APPIA) promove, a Associação em conjunto com a Universidade do Minho organizam a décima quarta edição deste evento subordinada ao tema Sistemas Multiagente no contexto de Tecnologias Persuasivas.

Aplicações de Ambient Assisted Living (AAL) possuem a capacidade de promover a segurança e o conforto dos seus utilizadores, tentando fornecer uma solução integrada que conecta vários dispositivos distintos aos serviços para formar uma solução única. Contudo, as atuais aplicações AAL demonstram diferentes problemas relacionados com o facto de serem usadas diretamente para persuadir o comportamento humano, principalmente relacionadas com o meio social de cada indivíduo. Muitas vezes, o público-alvo é vasto e heterogéneo, incluindo utilizadores com objetivos amplos, necessidades e preferências. Assim, persuadir eficazmente todo o público com uma intervenção persuasiva “pronta a usar” é difícil. Uma das tecnologias mais empregues, a fim de tentar persuadir os utilizadores, são os sistemas de recomendação. A fim de ultrapassar estes problemas, a solução é criar sistemas multiagente que implementam tecnologias de persuasão, tendo em conta aspetos como a geração de argumentos que sustentam evidências ou criar argumentos que se adequam aos interesses dos utilizadores.

Esta décima quarta edição do evento conta com a participação dos seguintes interlocutores:

  • Vicente Julián Inglada, Associate Professor, Department of Information Systems and Computation, Valencia University of Technology, Spain;
  • Javier Palanca, Researcher, Valencia University of Technology, Spain;
  • Ângelo Costa, investigador do ISLab/ALGORITMI, Universidade do Minho;
  • Pedro Freitas, Professor da Escola de Direito, Universidade do Minho.

 

A TeIA X4 – MAS4PT terá lugar na Universidade do Minho e realizar‑se‑á no dia 19 de julho de 2016, com início às 10h30 no Auditório DI-A2, no Departamento de Informática, Campus de Gualtar, Universidade do Minho, em Braga.

Mais informações poderão ser obtidas através dos contactos habituais da APPIA, disponíveis em www.appia.pt e através dos seguintes contactos:

Anúncio do Resultado Final do Prémio Melhor Tese de Doutoramento em Inteligência Artificial 2013-2014

A direção da Associação Portuguesa para a Inteligência Artificial (APPIA) tem o prazer de anunciar o resultado final do Prémio Melhor Tese de Doutoramento em Inteligência Artificial 2013-2014.

Promovido pela APPIA, o prémio recebeu um total de 10 candidaturas, sendo que após a receção das mesmas, foi constituído o júri, composto por (ordem alfabética):

– Luís Antunes (Universidade de Lisboa);

– Luís Seabra Lopes (Universidade de Aveiro);

– Paulo Quaresma (Universidade de Évora);

– Pedro Henriques (Universidade do Minho) e

– Rui Camacho (Universidade do Porto).

Prémio da Associação Portuguesa para a Inteligência Artificial para a Melhor Tese de Doutoramento em Inteligência Artificial 2013-2014 foi atribuído a António Jesus Monteiro de Castro, sob o tema “A Distributed Approach to Integrated and Dynamic Disruption Management in Airline Operations Control”. Foi considerado que “esta tese demonstra de uma forma exemplar a relevância do uso de técnicas de Inteligência Artificial para a resolução de problemas complexos”, apresentando um “impacto aplicacional muito relevante” e que “deu origem à criação de uma spin-off”.

Foi decidido ainda atribuir uma menção honrosa a Hugo Gonçalo Oliveira, sob o tema “Onto.PT: Towards the Automatic Construction of a Lexical Ontology for Portuguese”.

O prémio e menção honrosa serão oficialmente entregues aos candidatos vencedores (ou seus representantes) durante o jantar da  conferência 17th Portuguese Conference on Artificial Intelligence (EPIA 2015), dia 10 Setembro de 2015, em Coimbra.

Os melhores cumprimentos,

Paulo Cortez
Luis Macedo
Organizadores do Prémio e membros da direção da APPIA